Tânia: atriz, leal, questionadora, sincera, irônica, exigente, fácil, radical, sensível, dura, intensa, controladora, generosa, egoísta, protetora, desapegada, aberta, ermitã, sensata e aventureira. "Sou todas em Uma" BEM VINDOS!


14 de mar de 2013

CARLOS CAMACHO

Carlos Camacho

No meio de um monte de gente, me senti meio um pouco só.

Isso foi no Rio de Janeiro e era o ensaio de um longa-metragem do qual acabei saindo.
Saí por motivos particulares, embora as especulações na época tenham sido várias.
Eu quis sair porque sou "estranha", segundo alguns.

E no meio da multidão, vi um par de olhos saltados me olhando.
Naqueles olhos, vi confiança, ternura, confiança.
Cruzamos o salão, nos apresentamos e nos abraçamos.

Isso foi em maio de 2012. Parece que foi há 300 anos. No mesmo dia e de forma bem parecida, conheci nosso amigo Samuel Cruz.

Nasceu ali uma amizade forte, um vínculo que acredito ser de outros tempos, de um carinho imenso. E fomos tomar uma cachaça para celebrar!

Tempos depois ele uniu-se à uma mulher maravilhosa e vão casar:
ela é Natureza Bottecchia. Até o nome é lindo.

Descobri que esse homem que pensa diferente é cineasta, escritor e muito,
muito muito talentoso!

Ele escreve com a alma. Se esconde no meio do mato e cria.
Gostou do meu trabalho e me convidou para filmar com ele. Aceitei sem pergunta alguma.

Dentro de poucos dias estou indo pro Rio de Janeiro filmar
O MAR QUE HAVIA EM SEUS OLHOS”.
Um filme delicado, poético, denso. Tenso.

A equipe técnica é extremamente talentosa e deliciosa!
Carlos Camacho escolhe a dedo...
O alto astral, o respeito, a união e a busca pelo melhor para o filme são a prioridade.

Eles e o elenco somos UM, tamanha é a sintonia. O elenco é basicamente feminino.

As atrizes deste filme são jovens (claro que sou a mais velha!) lindas e o mais incrível: UNIDAS.

Dentro de poucos dias poderei contar os nomes deste time de fé, rsrsrs

O MAR QUE HAVIA EM SEUS OLHOS”.
Um filme de Carlos Camacho. Um filme que tenho a certeza, vai ficar LINDO.
Ainda em 2013 vamos filmar mais.

Amanhã posto um vídeo de divulgação deste nosso filme: vai gostar!

Este filme vai participar de festivais. Aguarde e verá.

Tânia Cavalheiro
14 março 2013


TEATRO HEBRAICA - RS

A VIDA MUDA


Manchada de tinta, suada e esbravejando.
Fazendo eu mesminha uma pequena reforma no apê, o que me rendeu também alguns dedos furados por pregos.
Era assim que eu estava quando dois amigos queridos chegaram na minha casa no meio da tarde, sem avisar.


Adoro quando amigos simplesmente chegam!
Parece que visitar virou um evento a ser combinado nos mínimos detalhes.


Marcelo e Fernando traziam um convite que mais parecia convocação: administrar
um teatro...
O sonho de toda atriz!
Mais especificamente o Teatro da Hebraica, com capacidade para 255 espectadores.


No dia seguinte lá fomos nós conversar com a atriz Daniela Lima, que era quem “carregava” sozinha o teatro.
Num papo direto e reto, acabamos fechando a parceria.
Então ok: vamos renovar o espaço, ampliar possibilidades de acontecimentos e criar um café no enorme e vazio saguão.


A primeira coisa é limpar, tirar algumas teias de aranha - principalmente de nossas mentes – e lá me vejo novamente manchada de tinta e suada, mas sem esbravejar.
Nada melhor que trabalhar em grupo e se este grupo é muito bom, melhor ainda!


Ainda falta deixar a casa mais bonita ainda.
Mas já temos o alto astral e muita gente - amigos de fé - nos ajudando.


Teremos um espaço lindo para apresentações artísticas, palestras, cursos, formaturas, oficinas e muito mais!


Agora sou administradora do teatro com meus “sócios” AMIGOS!


São eles:
Marcelo Machado
Daniela Lima
Bruno Palaoro
Fernando dos Santos.

Todos somos atores!
Nosso lema: “NÓS FAZEMOS”.


Quer me achar? Estou sempre na Rua João Telles 508, no coração do
bairro Bom Fim, quase esquina Osvaldo Aranha.
Tem estacionamento bem pertinho e a rua é segura.
Fone: (51) 3012.3855.


Nosso horário de atendimento é das 9 às 12 e das 14 às 18 horas.


Passa lá pra tomar um café e conhecer a turma!


Tânia Cavalheiro
14 de março de 2013
________________________________________________

PAPA CHICO

O Papa Bento renunciou - SURPRESA! - e acredito que teve seus – bons - motivos.
Um deles a pouca popularidade, o pouco respeito que lhe tinham muitos cardeais e sabe-se lá por quê.

Não sou católica e sim espírita, mas afinal estes acontecimentos são notícia internacional.

Então lá foram os cardeais reunir-se pra escolher um novo líder.

Os brasileiros queriam um Papa brasileiro, os canadenses oravam por um Papa canadense e os jamaicanos ansiavam por um Papa jamaicano.

O Papa escolhido é argentino e já ouvi muita gente dizer:
- “E agora quem aguenta os argentinos?!”
Queria só ver se o Papa fosse brasileiro! Os argentinos diriam:
- “E agora quem aguenta os brasileiros”?!
Ah, tá, resta o consolo pra muitos brasileiros de que “Deus é brasileiro”... Palhaçada.

Apenas três dias depois de reunidos e já se viu a fumacinha branca saindo da chaminé mais famosa do mundo e eis que agora temos o Papa: Jorge Mario Bergoglio, de 76 anos, que optou pelo nome de Papa Francisco.

O homem gosta de tango, dizem que é humilde (recusou benefícios como ter carro com motorista e morar na residência da arquidiocese) e é torcedor do time de futebol de sua cidade; San Lorenzo.
Mostrou um caminhar firme e curvou-se perante a multidão amontoada lá na praça São Pedro.
Eu é que não queria estar lá no meio; imagina se dá vontade de fazer xixi.

Ele tem uma cara simpática, voz clara, um olhar direto e até fez uma brincadeira em seu primeiro discurso... Gostei: vivo dizendo que bom humor é tudo.

Mal o novo Papa foi escolhido e já estão reclamando que ele é anti várias coisas como o casamento entre gays, o aborto e a eutanásia.

Queriam o que? A igreja católica é conservadora, ora bolas!

Pelo menos ele ressalta que homossexuais merecem respeito.
E isso, convenhamos, já é um pequeno avanço.

E andam dizendo por aí que o homem pode aproximar um pouco povos de diferentes religiões.

Então, já que habemus papam, boa sorte ao homem! Não deve ser fácil ser Papa.

Papa Chico, ora, vejam só... O homem até gosta de chimarrão!


Tânia Cavalheiro
14 março 2013
___________________________________


1 de mar de 2013

O ANEL DO PAPA

O Papa renunciou e agora viverá num humilde castelo
cuidado por umas 7 pessoas mais próximas, fora o resto
como seguranças, porteiros, motoristas, jardineiros, etc...

Como sabemos, é tradição destruir o anel que ele usou.
Para que que destruir?
Não imagino o valor em $ do tal anel, mas...
Grande parte do ouro do Vaticano foi "herdado" das
pessoas que eles queimavam nas fogueiras da Inquisição.
Não seria mais útil e justo investir esse ouro
criando uma escola?